O primeiro esporte criado no Brasil no século 21

Eduardo Demeterco

As pessoas no Brasil estão acostumadas a conhecer e vivenciar os esportes mais conhecidos mundialmente falando como basquete, vôlei, tênis, futebol americano e o próprio futebol. Mas o que poucas pessoas sabem é que em 2002, um economista e estudante de jornalismo em Curitiba, no Paraná decidiu dar início à criação de uma nova modalidade no esporte, o Futsac. 

Marcos Juliano Ofenbock costurava bolinhas na época com um recheio de pedras britas e até mesmo arroz para poder utilizá-las durante as partidas. Hoje em dia, o esporte possui um papel ecológico na sociedade pois o material utilizado dentro de cada bolinha, é o plástico reciclado granulado, que equivale a uma garrafa pet de dois litros. O jogo foi formatado em uma quadra oficial de 5m de largura x 10m de comprimento com uma rede divisória de 1,5m de largura. A partida conta com 3 sets até 21 pontos sem vantagem, podendo jogar em duplas ou até mesmo individual com o objetivo de derrubar a bolinha no campo adversário. Atualmente, o esporte conta com uma Associação Curitibana de Crocheteiras em paralelo que criam as bolinhas do futsac. Essa associação compõe 12 mulheres ativas e 50 associadas que vivem na periferia e não tem muitas oportunidades de emprego. 

cn banner

futsac possui um grande número de praticantes no interior do estado e regularmente, campeonatos são disputados. O primeiro deles, foi disputado em 2007 um pouco antes da modalidade ter contato com o Conselho Regional de Educação Física. Para que a Confederação Brasileira de Futsac vingasse, foi necessário a criação de três federações estaduais: Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. 

Em 2016, o Futsac foi reconhecido e se tornou o primeiro esporte brasileiro criado no século 21, criado na capital paranaense. Em 2017, o esporte passou a fazer parte da matriz curricular de escolas públicas em Curitiba e atualmente, está presente em mais de 100 escolas. Mesmo com poucos anos de história, é um esporte que tem seu lado competitivo, ecológico, social e lazer pois as bolinhas também servem como brinquedos para o desenvolvimento motor das crianças. 

BANNER-PUBLICIDADE-FUTSAC-CONEXAO-NEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *