Nem o vento levou a folgada liderança do Verdão

ASSINATURA CLAUDEMIR

O Palmeiras poderá ser campeão brasileiro na próxima quarta-feira (21), jogando em casa, diante do América -MG, time que luta contra o rebaixamento. Para a conquista do título nacional na próxima rodada, basta que o alviverde faça a lição de casa e conquiste os três pontos, já o Flamengo (enfrenta o Grêmio em casa) e o Internacional joga com o Atlético -MG, no Beira Rio, não poderão somar mais que um ponto.

Chegamos ao final da 35ª rodada que teve chuva com vento forte, golaços e muita confusão na saída de campo no duelo entre Corinthians e Vasco. O Palmeias chegou ao 20º jogo de invencibilidade, de quebra superou o recorde do Corinthians (campeão do ano passado) que tinha 19 jogos consecutivos sem perder.

Vitória 1 a 2 Atlético-PR

O jogo no Barradão, em Salvador, era a chance que o time da casa tinha para mostrar uma reação na luta contra o rebaixamento, mas o furacão venceu bem, foi a primeira vitória fora de casa dos paranaenses, apesar da boa campanha. Já o Vitória, só um milagre para não jogar a Série B em 2019.

Corinthians 1 a 0 Vasco

Jogo tenso em Itaquera, estádio lotado, ameaça de rebaixamento para os dois lados. O timão levou a melhor com o gol de Matheus Vital. O moleque não comemorou, foi criado nas categorias de base do Vasco. O time de São Januário está a dois pontos da ZR, ameaça muito séria de descenso por lá, já o timão praticamente se livrou.

Atlético – MG 1 a 0 Bahia

Não foi uma vitória de encher os olhos do torcedor com o futebol jogado, mas o que vale é os três pontos. Um golaço de Cazares deixou o Galo mais perto da Libertadores.

Paraná 1 a 1 Palmeiras

Nem o torcedor mais otimista do Paraná Clube por essa esperava! O líder, praticamente campeão brasileiro suando para conquistar um ponto contra o lanterna da competição. O jogo foi em Londrina, por conta da venda do jogo pelo time mandante, estádio lotadíssimo de palmeirenses, chuva forte, contou com vento que levou o futebol alviverde. Kesley abriu o placar e Scarpa empatou. O adversário direto (Internacional) não fez a sua parte contra o Botafogo.

Botafogo 1 a 0 Internacional

O glorioso está livre do rebaixamento, o time venceu o Internacional em casa. Já o time gaúcho perdeu a chance de encostar no líder Palmeiras e de quebra foi embora a vice-liderança para o Flamengo. Não é desta vez que veremos um time subir da Série B e ser campeão da A no ano seguinte.

Sport 0 a 1 Flamengo

O mengão é vice-líder do Brasileirão. Venceu bem o Sport na Ilha do Retiro, mas será quase impossível o time de Dorival Junior tomar esse título do Palestra. Já o Sport convive cada vez mais com a ameaça de rebaixamento, sorte que os times lá de baixo não estão se ajudando.

América MG 2 a 1 Santos

E o coelhou engoliu o Peixe em casa. O Santos foi derrotado e viu a vaga da Libertadores ir para o “brejo”, quarta derrota seguida do time da Vila Belmiro. O América reagiu, ainda não é o suficiente para tirá-lo da ZR, mas contará com jogos diretos dos seus adversários, pena que o próximo jogo é só contra o Palmeiras, ainda valendo título para o adversário. Que dureza.

São Paulo 1 a 0 Cruzeiro

Com o seu treinador interino, o time do Morumbi voltou a vencer. Um golaço de Diego Souza, colocou o tricolor definitivamente na Libertadores da América. Agora é brigar com o Grêmio por uma vaga no grupo direto do torneio continental.

Grêmio 2 a 0 Chapecoense

O time de Renato Gaúcho venceu bem em casa e se segura para se manter no G4 contra o Flamengo na próxima rodada. Por lá, a movimentação para a próxima temporada já começou, com conversas sobre a renovação do treinador que ainda não garantiu se fica.

Fluminense 0 a 0 Ceará

Jogando em casa, debaixo de água, o tricolor perdeu a chance de encerrar de vez o assunto “ameaça de rebaixamento”. Sob protestos da torcida, o time jogou muito mal, pontinho que fiou de bom tamanho para o time cearense na sua luta danosa contra o descenso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *