O brilho de Fluminense e Grêmio no jogo sem amarras

ASSINATURA CLAUDEMIR

Foram 9 gols no jogo com “J maiúsculo” em Porto Alegre, fazia tempo que eu não via um placar de 5 a 4 em Campeonatos Brasileiros da Primeira Divisão. O treinador, Renato Gaúcho, dispensa comentários: campeão, ídolo como comandante e jogador pelos lados do tricolor gaúcho armou uma equipe com esquema para focar o ataque, até aí nada anormal, aliás, jogava em casa e era esperado que fosse assim. Mas o Fluminense de Fernando Diniz não também arriscou tudo, sem medo de perder, premiando um treinador que não gosta de um futebol burocrático. Noite memorável para as duas equipes que se lançaram ao ataque, premiaram os torcedores que foram à Arena do Grêmio e também aos assinantes do pacote de televisão. Eu voto por mais jogos assim.

Abrindo a 3ª rodada do Brasileirão o Palmeiras venceu o Internacional por 1 a 0, gol oportunista de Deyverson. O verdão jogou bem em casa, enfrentou o time do colorado que também é um dos candidatos ao título, mas precisa ganhar fora de casa, não vejo isso no bom time do Beira Rio. Quanto ao Palmeiras já são 26 jogos de invencibilidade na competição nacional, tudo isso após a chegada de Felipão. Vasco e Corinthians ficaram no empate de 1 a 1 em Manaus, o time da Cruz Maltina novamente candidato ao descenso. Fechando o sábado, ainda teve a vitória de virada do Atlético-MG por 2 a 1 contra o Ceará, fora de casa (único 100% de aproveitamento), liderando a classificação da competição.

O domingo começou com o empate entre Chapecoense e Athletico PR (1 a 1), os paranaenses lamentaram muito por não conseguirem segurar o placar, quando venciam na Arena Condá. O bom time do Cruzeiro de Mano Menezes bateu o Goiás em casa por 2 a 1, destaque para o jogador Rodriguinho. São Paulo e Flamengo empataram (1 a 1), o time da Gávea montou uma equipe quase toda reserva e conseguiu surpreender o tricolor paulista ao sair na frente do placar, mas no segundo tempo só deu São Paulo e o time de Cuca mereceu empatar. O mengão tem jogo decisivo, fora de casa, pela Libertadores da América, precisando de um empate contra o Peñarol para se classificar à segunda fase. Botafogo venceu o Fortaleza por 1 a 0. CSA e Santos não saíram do zero em Alagoas e o Bahia bateu o Avaí na Fonte Nova por 1 a 0.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *